Colunistas

21/05/2016

Saem as cobras, entram os abutres - por Ivar Hartmann*

Quando a sujeira é grande demais é difícil de limpar. A morosidade dos juízes do STF ao longo das décadas criou no Congresso Nacional e na política em geral um bando de gente desqualificada.

O STF foi ineficaz em sua atividade, criando a lei da impunidade para os políticos.  O resultado é que, não obstante o trabalho árduo do Juiz Moro, promotores e delegados, não será fácil erradicar a corrupção parlamentar.

A edição de 19/05/16 do “Congresso em Foco” surpreende. Na atual legislatura quase 26% dos deputados são suspeitos de participação em crimes e quase 40% dos senadores. Segundo ainda o Congresso em Foco: “dos mais de 500 congressistas acusados de atos criminosos desde a promulgação da Constituição de 1988, somente 16 foram condenados e apenas oito chegaram a cumprir a pena.

Em muitos casos, os processos simplesmente prescreveram sem que os ministros do STF tivessem julgado o comportamento dos réus.” Então, a ineficácia do STF torna-se mais flagrante. Qualquer pessoa sabe que quando um crime não é castigado, o bandido volta a delinquir e ainda serve de exemplo a outros.  Santo Deus: parece que defini o Congresso Nacional...

Fora Dilma! não quer dizer Viva Temer! O povo das cidades do Brasil nas ruas liquidou os petistas, responsáveis pela maior crise econômica e moral do Brasil em todos os tempos. O governo da jararaca Lula e suas cobras deu lugar ao vice Temer. Que não era desejo de ninguém, mas apenas um passo rumo à limpeza nacional. Pelas nomeações que fez, acordos e alianças políticas e sapos que está engolindo faceiro, pode-se dizer: saíram às cobras, entraram os abutres! É conversa fiada justificar estas escolhas, dizendo: “ele ainda não foi julgado.”

Temer, professor de Direito Constitucional, raposa velha na política de Brasília, sabe que um político ser julgado pelo STF é tão difícil quanto um novo julgamento de Jesus. Então escolhe um Ministro da Fazenda que todos aceitam e embute o preço: uma leva de malandros, seus companheiros do PMDB. A prova disso, do Ministério dos Abutres (podem usar o termo que não requeri patente), é a escolha para seu líder na Câmara de um deputado perigoso, aliado do bandido Eduardo Cunha. Réu em três ações penais e indiciado em outros três inquéritos. Ao aceitar um marginal para seu líder, Temer se iguala a ele. Logo virá de novo o grito: VEM PRÁ RUA!

ivarhartmann@hotmail.com


*Ivar Hartmann é promotor público aposentado, colunista do diário Jornal NH, Grupo Sinos (programa AHAI na Rádio ABC 900 AM, Novo Hamburgo, RS, e colaborador do portal BrasilAlemanha e da mala direta BrasilAlemanha Neues.



Comentários

Participe! Aqui sua opinião vale muito.


  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
Logomarca oficial da imigração alemã no Brasil. Reprodução liberada e recomendada, para uso não comercial.
Para uso comercial e originais em alta resolução: contato@brasilalemanha.com.br.

© 2004-2021 BrasilAlemanha - O portal oficial da imigração alemã no Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Sapiência Tecnologia

Publicidade