Colunistas

26/08/2015

31ª Oktoberfest de Santa Cruz do Sul, RS, recebe propostas para pontos de alimentação

Pré-requisitos estarão disponíveis a partir de quinta-feira, 27. Documentação deverá ser entregue até o dia 2 de setembro, na Assemp - Associação de Entidades Empresariais.

Santa Cruz do Sul (RS) – A gastronomia é um dos destaques da Oktoberfest de Santa Cruz do Sul. As delícias da culinária alemã são pontos altos da festa, que atrai visitantes de diversas partes do Estado, do país e até mesmo de outros países. Para bem atender aos visitantes, dezenas de pontos espalhados pelo Parque da Oktoberfest oferecem aos visitantes os mais diferentes pratos. Por isso, as empresas interessadas em adquirir um dos 32 pontos de alimentação disponíveis na 31ª edição da festa – que acontece de 7 a 18 de outubro – podem retirar os pré-requisitos na sede da Associação de Entidades Empresariais (Assemp), na Rua Guilherme Hackbart, 109, no centro da cidade, a partir desta quinta-feira, 26 de agosto. A proposta financeira, bem como a documentação exigida, devem ser entregues até às 18 horas do dia 2 de setembro no mesmo local. As mesmas regras valem para as empresas interessadas em explorar a área de estacionamento pago, em frente ao Parque.

Neste ano, a Coordenação Executiva da festa está oferecendo 32 espaços para comercialização de alimentos e bebidas, espalhados pelo Parque da Oktoberfest e nas duas área destinadas à Praça de Alimentação. “Tudo com o intuito de oferecer ao público serviços e produtos de alta qualidade, característica marcante da Oktoberfest”, ressalta o presidente da Festa da Alegria, Léo Henrique Schwingel. Entre os serviços oferecidos estão refeições completas, café colonial, lanches variados e bebidas em geral.

Para apresentar uma proposta, as empresas devem seguir fielmente o ofício que consta os pré-requisitos, pois eles visam a qualidade dos serviços e produtos oferecidos, bem como a segurança de todos os envolvidos. Além das interessadas serem, obrigatoriamente, constituídas no ramo alimentício, elas deverão possuir infraestrutura suficiente para o funcionamento do ponto e ter funcionários devidamente registrados e habilitados para as funções.

Entre os documentos que deverão ser entregues estão uma cópia do alvará de saúde vigente, CNPJ em atividade, contrato social ou registro de firma individual, termo de habilitação e ficha cadastral em envelope devidamente identificado com o nome da empresa e o número do ponto escolhido. “A preferência é por empresas do município, mas caso as mesmas não preencham os espaços, ofereceremos às interessadas de outras localidades”, explica Schwingel.

CERVEJA ARTESANAL Pelo terceiro ano, a Coordenação Executiva da Oktoberfest também está disponibilizando um ponto para comercialização de cerveja artesanal, produzida em Santa Cruz do Sul. O objetivo, conforme Schwingel, é valorizar as empresas e os produtos locais. “O ponto que será disponibilizado é uma das casas da Vila Típica, bem na área central e de grande fluxo de pessoas. O valor praticado mantém a mesma regra dos demais pontos de alimentação e bebida”, completa o presidente.

Foto em anexo: Alimentação é ponto alto da Oktoberfest    FOTO

Crédito foto: Rodrigo Assmann



Comentários

Participe! Aqui sua opinião vale muito.


  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
Logomarca oficial da imigração alemã no Brasil. Reprodução liberada e recomendada, para uso não comercial.
Para uso comercial e originais em alta resolução: contato@brasilalemanha.com.br.

© 2004-2021 BrasilAlemanha - O portal oficial da imigração alemã no Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Sapiência Tecnologia

Publicidade