Inge Lauterjung, de Blumenau, SC, é a homenageada da semana

Artista plástica blumenauense completa 96 anos nesta quinta-feira, dia 2 de julho.

No #TBT desta semana a Secretaria Municipal de Cultura e Relações Institucionais (SMC) e o Museu de Arte de Blumenau (MAB) prestam homenagem à Inge Lauterjung, que completa 96 anos nesta quinta-feira, dia 2 de julho. A artista plástica nasceu em Blumenau em 1924 e, aos 66 anos, deu vazão aos dotes artísticos, iniciando estudos e pesquisas em técnicas de desenho. Ao criar suas primeiras obras com dedicação, perseverança e determinação, conseguiu atingir bons resultados convencendo-se cada vez mais que era o que queria fazer.

Seu currículo artístico remete ao atelier de Elio Hahnemann, Érica Araújo, Paulo Cecconi, Simone Tanaca e Rosi Darius. Esteve na Itália em 1994, no atelier de Roberto Machini e em 1997 teve aulas de acrílica com Sérgio Poddighe. Sua sensibilidade se expressa nas manchas das aquarelas, onde enaltece a natureza através de flores e paisagens. Com essa técnica a artista registra impressões guardadas na memória, criadas em seus sonhos ou observadas no seu cotidiano.

Em junho de 1994, aos 70 anos, passou a residir no Lar Elsberth Koehler. Por sua natureza ativa, no ancionato participou da organização e criação das decorações temáticas. Visando sempre seu desenvolvimento, não parou de criar cartões, desenhos e aquarelas que dão vida aos corredores do lar.

Formas criativas

Atenta às doações feitas ao ancionato, de botões de diversos tamanhos e cores, imaginou formas criativas para utilizá-los. Com precisão e sensibilidade, passou a criar obras artísticas em panôs, paramentos litúrgicos e quadros. Através dessas colagens, costuras e interseções, compartilha seus interesses e lembranças. No recorte de sua memória, vêm à tona lembranças comuns a cada um de nós: o anoitecer, a alvorada, dunas, outono, trovoadas, a capelinha e pássaros alçando vôo.

Em 2014, para celebrar seus 90 anos, o MAB em parceria com a Associação Blumenauense de Artistas Plásticos (Bluap) promoveu a exposição {Aquarelas, Pincéis e Botões}, com obras de diversos períodos da artista. Na oportunidade, amigos e convidados celebraram as nove décadas da artista, dos quais, três delas dedicadas à arte. Entre aquarelas, pincéis e botões a artista Inge Lauterjung em um gesto espontâneo registra suas memórias, seus sonhos, seu cotidiano. Através da arte, deixa o exemplo de como podemos nos conhecer melhor, compreender nossas emoções e principalmente nossas incessantes possibilidades, observa a gerente do MAB, Mia Ávila.

Assessor de Comunicação: Sérgio Antonello (47) 3381-6190