Concertos com obras de compositores brasileiros e alemães na Letônia

Concertista gaúcho Alexandre Fritzen da Rocha, doutor em Música pela UFRGS, apresentará obras de compositores de vários países, além de obra de sua autoria, no projeto Vox Angelica 2018, em Riga, na Letônia, país europeu ex-integrante da extinta União Soviética.

Nos dias 30 de junho, 1º e 8 de julho de 2018, o músico gaúcho Alexandre Fritzen da Rocha apresentará três concertos de órgão na cidade de Riga, capital do país europeu Letônia. Os concertos integrarão o evento Vox Angelica 2018, que congrega instrumentistas de diferentes países. No repertório, o músico gaúcho interpretará, além de obra de sua autoria, peças dos compositores Alberto Nepomuceno (Brasil), Ulises Ferretti (Uruguai), Jan Pieterszoon Sweelinck (Holanda), Johann Sebastian Bach e Paul Hindemith (ambos da Alemanha).


Alexandre Fritzen da Rocha  -  Foto Geo Cereça

O músico é o mais jovem doutor em música do Brasil na área de práticas interpretativas em órgão de tubos. Concluiu seu mestrado e doutorado no Programa de Pós-Graduação em Música da UFRGS, considerado pela CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) o mais bem conceituado programa de pós-graduação do Brasil, figurando entre os melhores programas do mundo. É também o primeiro Doutor em Música, na linha de Práticas Interpretativas/órgão, da UFRGS, tendo sido premiado com bolsa de estudos ao longo de sua formação. Ao longo de sua trajetória apresentou-se em diversos estados brasileiros, na Argentina, no Uruguai e na Espanha. Tem atuação híbrida tanto no campo da música popular como no da de concerto. Atualmente é professor no curso de Licenciatura em Música da UCS – Universidade de Caxias do Sul, e atua como compositor e instrumentista em projetos diversos.


Alexandre Fritzen da Rocha  -  Foto Leli Baldissera