A superstição entre os pomeranos - por Ivan Seibel*

Historicamente o povo pomerano é supersticioso.E essas superstições se apegam a valores sobrenaturais. Ou seja, seguem conselhos oriundos de crendices populares. Enfim, são pessoas que acreditam que estas ações, sejam elas voluntárias ou não, como portar amuletos ou participar de determinados rituais, podem influenciar o dia-a-dia de suas vidas.

Por meio desse pensamento mágico, acreditam em poder obter resultados não alcançáveis dentro do modo de agir lógico e, por meio desses procedimentos passariam a poder contar com poderes sobrenaturais para alcançarem os seus objetivos.

Em muitos lugares essas superstições ainda existem e possivelmente são reminiscências de uma cultura pomerana pagã milenar. São heranças que poderiam ser explicadas por antigos costumes e pela mitologia dos povos primitivos que deram origem a esse povo.


*Ivan Seibel, Reg. Prof. Mtb 14.557, natural do Espírito Santo, é médico em Venâncio Aires, RS, escritor (“Imigrantes a duras penas”, entre outros), comentarista do programa radiofônico semanal AHAI – A Hora Alemã Intercomunitária > bl 03, colunista www.brasilalemanha.com.br e editor de Folha Pomerana Express >
Acessse o Informativo >