Primeiras impressões de uma estagiária brasileira na Alemanha

 

A viagem foi proporcionada por uma bolsa de estudos recebida através do Programa de Premiação Internacional do Serviço Pedagógico de Intercâmbio do Governo da Alemanha (PAD 2017).  

   
A Luciana ‘fora da casinha’  em sentido literal e figurado. Foto Divulgação                    

Os primeiros dias de Luciana na Alemanha foram passados em Bonn com um grupo de estudantes de diferentes países. Confira o relato da estudante sobre esses primeiros momentos no país:

Há muitas diferenças entre a Alemanha e o Brasil, mas, até agora, uma vivência foi muito marcante para mim: No verão, na Alemanha, ainda é dia claro às 22h30. Em função disso, pudemos ficar nos parques em Bonn até as 23h. Aqui é mais tranquilo e as ruas são mais limpas. Nós passeamos muito por Bonn, visitamos alguns museus e a catedral de Colônia.

Também realizamos uma noite internacional e eu conheci muito sobre diferentes culturas. Estou muito feliz que, graças a Língua Alemã, eu posso me comunicar com pessoas de diferentes nacionalidades. Tenho agora amigos do Vietnã, da Noruega, da Islândia da Hungria, da Índia e claro da Alemanha.

Estou há três dias em Greifswald, na casa de uma família, e também já fui à escola. É realmente uma experiência única!”

Versão do depoimento em alemão:

Es gibt viele Unterschiede zwischen Deutschland und Brasilien, aber für mich war etwas wirklich überraschend: Im Sommer in Deutschland ist es um 22.30 noch hell. Deswegen sind wir in Bonn immer bis 23 Uhr auf einer Wiese geblieben. Hier ist es ruhiger und sauberer als in Brasilien. Wir haben ein paar Museen besucht, den Kölner Dom besichtigt und sind auch viel durch Bonn gelaufen.

Wir haben einen Internationalen Abend gemacht und ich habe viel über die anderen Länder gelernt. Es freut mich sehr, dass ich dank der deutschen Sprache mit Menschen aus verschiedenen Nationalitäten mich unterhalten kann. Ich habe jetzt Freunde aus Vietnam, Norwegen, Island, Ungarn, Indien und natürlich auch aus Deutschland.

Ich bin schon drei Tage in Greifswald bei meiner Gastfamilie und bin auch schon in die Schule gegangen. Es ist tatsächlich ein besonderes Erlebnis!”

Fonte: Vanessa Pustai
Assessora de Imprensa
vanessa.pustai@institutoivoti.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *