Die andere Heimat – Chronik einer Sehnsucht no Centro Cultural 25 de Julho

 

Convidamos você para um encontro com o passado, um mergulho na vida das pessoas na região do Hunsrück durante os anos 1842 e 1843, ao tempo em que muitas pessoas decidiram sair de sua Heimat para virem ao RS e à Colônia Santa Cruz – para a outra Heimat. O filme DIE ANDERE HEIMAT –Chronik einer Sehnsucht, de Edgar Reitz  possibilita vivenciar o cotidiano, a cultura, as dificuldades, os anseios por liberdade dos imigrantes em sua antiga pátria. 34% dos alemães que atenderam ao convite do governo da Província de São Pedro do Rio Grande do Sul para se estabelecerem em Santa Cruz, procederam da região do Hunsrück.

O filme, falado em língua alemã, será exibido nesta terça-feira, no Centro Cultural 25 de Julho, às 19 horas, dentro da sua programação natalina – Weihnachtszeit    em parceria com o projeto de extensão comunitária – Cultivar idioma & Vivenciar cultura – da Universidade de Santa Cruz do Sul – UNISC, coordenado pela professora Lissi Bender, e você é nosso convidado.

 

 A qualidade do filme é primorosa, tanto pela atuação impecável dos atores, quanto pelas falas em dialeto Hunsrück e pelos cenários e imagens. O filme mostra a vida em uma aldeia no Hunsrück; as dificuldades por que passavam os agricultores e artesãos; o longo e rigoroso inverno, a fome, as epidemias, as mortes: „Etwas besseres als den Tod findet man überall” – “Algo melhor do que a morte a gente encontra em toda parte!” – na fala de personagens ; o anseio por liberdade – libertar-se da tutela paterna, da opressão dos governantes está fortemente presente no filme. Estimulados pela ideia de liberdade da Revolução francesa, instaura-se em seus corações o desejo de serem livres, donos de seu destino, construir nova vida em um mundo novo no sul do Brasil onde a terra é fértil e permite mais de uma colheita por ano. Como diria a personagem principal: “Die Sonne folgen, wenn sie untergeht, da ist das Glück!“ –  „Seguir o sol, quando se põe, lá está a felicidade!“.

O personagem principal Jakob personifica esse anseio por liberdade. Jovem sonhador, amante de leituras que povoam o seu imaginário e nutrem seu desejo por uma vida diferente da que vive. O filme foi lançado em outubro de 2013 em sala repleta durante o festival de cinema de Veneza e, ao final da exibição, foi aplaudido de pé durante 20 minutos pelo público.

 

Sejam bem-vindos!

Seien Sie herzlich willkommen!

 

Atenciosamente,

 

Lissi Bender

 

Contato: lissi@unisc.br

Dan Porto – Luís Bohnenberger – wissenschaftliche Hilfskraft.

Programa Terceira Idade na UNISC: 51. 3717-7685

Projeto Ações para o Envelhecimento com Qualidade de Vida: 51.3717-7688

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *