Comissão Municipal Pelotas

Amigos,

vejam abaixo interessante matéria do site da prefeitura de Pelotas, de 19 02 2013, sobre iniciativas para comemorar a etnia alemã no município. Com aplauso, repasso a informação a todo o nosso grupo da Comissão Executiva das Comemorações do Triênio 188-190 Anos (1824 > 2012-2014) da Imigração Alemã no RS. À professora e amiga Renata Pinz Friedrich, nossos cumprimentos e um pequeno alerta no sentido de que em 25 de julho deste ano apenas começam as fetividades dos 190 Anos comemorados em 2014.

Como responsável pelo setor de Comunicação, sugiro um voto de louvor a toda a equipe multidisciplinar reunida em Pelotas. Ao mesmo tempo, fica o nosso convite para uma integração de toda a etnias alemã no Estado nessas comemorações, também realçadas no portal www.brasilalemanha.com.br com seu incipiente Calendário de Eventos e na mala direta BrasilAlemanha Neues, atualmente já com 141 mil destinatários consolidados, muitos deles multiplicadores em organismos públicos e privados, o que nos garante uma extraordinária visibilidade.

Abs.

Sílvio A. Rockenbach

Paula discute ações para comemorar o ano da imigração alemã 

Foto: Janine Tomberg

Foto: Janine Tomberg

 
 
          Na tarde desta terça-feira (19), a vice-prefeita e secretária interina de Educação e Desporto Paula Mascarenhas discutiu ações que estimulem o espírito da cultura alemã no Município. Este ano, no dia 25 de julho, comemora-se os 190 anos de imigração alemã no Brasil. O encontro de hoje, serviu para dar sequência ao que foi proposto pelos representantes do Consulado Alemão, em reunião realizada na última sexta-feira (15), com o executivo. Na ocasião, eles solicitaram apoio da prefeitura para criar uma programação especial alusiva ao ano da etnia no País.

         Para Paula, a iniciativa é uma forma de agradecer e de demonstrar a gratidão da cidade ao colono alemão. “Pelotas tem forte influência desta cultura, que conta com uma colônia onde muitos falam a língua Pomerana, e isto é um patrimônio, uma riqueza diferenciada no Município. Temos que preservar esta cultura e estimulá-la para que as pessoas a preservem,” destacou

         Durante o encontro, os participantes sugeriram, inicialmente, promover ações dentro de eventos já conhecidos pela população. A mobilização comemorativa ao período deve ter espaço nas edições de 2013 da Fenadoce e da Feira do Livro, onde o público poderá conferir a gastronomia e a literatura alemã, respectivamente.

         Os organizadores planejam a possibilidade de repetir as performances que retrataram a etnia alemã, apresentadas no terceiro Festival SESC de Música ,além de chamar conhecedores do tema para palestrar. Está previsto para o dia 25 de julho, data que indica o início da imigração, um evento cultural na região da colônia.

         Os representantes da UFPel demonstraram interesse em desenvolver ações dentro da Jornada de Estudos Germanísticos da instituição, que ocorrerá no mês de agosto. Também será estudada a possibilidade de uma atividade extra-currícular junto às escolas da colônia. A ideia é que formandos do curso de Alemão ministrem aulas para alunos da colônia Santa Silvana (6º Distrito) e Progresso (Recanto dos Coswig – 4º distrito), com o objetivo de fomentar a língua alemã.

         O próximo encontro ficou agendado para o dia 5 de março, às 14 h.

         Estiveram presentes ao segundo encontro, a professora de Alemão, do Curso de Alemão Renata Dietrich, Renata Pinz Dietrich, os representantes da UFPel, a coordenadora do Curso de Licenciatura em Letras(Português/ Alemão), Maria Nilse Schneider e a professora de alemão Daniele Gallindo. Pela prefeitura, compareceram, o diretor de Artes Visuais da Secult, Giorgio Ronna, a secretária da Cultura Beatriz Araujo, a secretária de Justiça Social e Segurança, Clésis Crochemore, o secretário de Desenvolvimento Rural Carlos Bento e a sua chefe de gabinete Michele Maino, e o assessor Especial do programa Boa Escola para Todos Sadi Sapper.

 

 Fonte: Site da Prefeitura Municipal de Pelotas, RS. Matéria postada em 19 02 2013

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *