Esta versão está descontinuada.

Acesse novo site do portal Brasil Alemanha:

https://www.brasilalemanha.com.br

Colunistas

26/11/2013

Opinião > Energia nuclear: falsa solução para um falso problema - por Heitor Scalambrini Costa*

Existe uma ação de manipulação da opinião pública – concatenada pelo lobby nuclear – com foco em Pernambuco (Nordeste), voltada a propagandear e defender a necessidade de se instalar usinas nucleares na região.

Isso ocorre através de editoriais nos jornais, reportagens autopromotoras, entrevistas com especialista”, tudo dirigido para subverter a opinião pública com informações, no mínimo, dúbias sobre esta fonte energética tão polêmica. Infelizmente não se pratica um jornalismo informativo, nem investigativo. Não se ouve e nem se dá o mesmo destaque ao outro lado da questão, aos críticos.

Neste ano, em particular, ocorreram diversas iniciativas neste sentido, e recursos financeiros consideráveis foram despendidos, para evidenciar junto à opinião pública os benefícios, a inexistência de riscos, e a necessidade “urgente” da região receber uma usina nuclear (ou mais de uma).

Aos defensores dessa tecnologia, apoiados pela grande mídia (que precisa das verbas de publicidade para sobreviver), se juntam alguns setores acadêmicos (que recebem recursos para financiar suas pesquisas), grandes empreiteiras, fabricantes de equipamentos, e – por motivos óbvios – setores militares, todos com amplo espaço na “mídia amiga” para alardear a sua concepção e assim formar uma opinião publica favorável a este tipo de empreendimento que – em países desenvolvidos – já vem sendo abandonado.

Nesse contexto, o vale tudo e a insanidade predominam. Chegam à raia da desonestidade científica e intelectual ao afirmarem que “as usinas nucleares não oferecem risco a população”. Deixa-se mesmo de levar em conta a tragédia do desastre em Fukushima (Japão, março 2011) que parece não ter fim, pois as atividades de limpeza da área da usina devem levar ainda mais 40 anos. E o que agrava mais a situação é que será preciso ainda desenvolver tecnologias para finalizar esse trabalho sem precedentes.

Outra seara que emerge nesse debate – onde o nuclear se apresenta como falsa solução, para um falso problema – é com relação aos apagãos e apaguinhos (interrupções de energia elétrica) dominantes e recorrentes no dia a dia da população da região. Apregoam que tudo seria diferente se as usinas nucleares estivessem funcionando. Mentem descaradamente associando eventos que estão ligados à questão da gestão do setor elétrico, à falta de investimentos e de manutenção das redes, e mesmo à incompetência dos gestores do sistema elétrico nacional. Querem fazer crer que as usinas nucleares resolveriam o problema dessas interrupções no fornecimento de energia elétrica que a população brasileira vem tendo que suportar. Afirmam também que a eletricidade nuclear é barata e não vai onerar o bolso do consumidor. Tudo mentira. A energia nuclear é uma das mais caras fontes energéticas comerciais, com enormes subsídios que desviam recursos e mascaram o preço final do Mwh produzido.

A falácia maior é a afirmativa de que não produz gases de efeito estufa, sendo assim uma “fonte limpa” de energia. Não levam em conta que para se obter o combustível nuclear são utilizados diversos processos industriais (mineração e produção do concentrado, conversão, enriquecimento, reconversão, fabricação de pastilhas e de elementos combustíveis...) que contribuem para a produção e emissão de considerável quantidade de CO2. Fonte limpa coisa nenhuma.

Não se justifica, tampouco, a afirmação de que essas usinas vão incrementar o desenvolvimento regional através de aumento do emprego e da renda, pois estudos da Organização Internacional do Trabalho (OIT) e do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) comprovam que as indústrias ligadas às cadeias produtivas de energia eólica e de energia solar geram mais emprego e renda do que a cadeia da indústria nuclear.

Têm-se ainda os resíduos – o chamado lixo atômico – um dos enormes problemas dessa tecnologia de produção de energia elétrica. Esses resíduos são deixados para as gerações futuras, uma vez que não se sabe qual destinação dar a eles, cuja radiação permanece ativa por milhares de anos.

Concluindo: temos que dizer, em alto e bom som, que o Brasil, o Nordeste, e Pernambuco não precisam de usinas nucleares. Xô Nuclear.

*Heitor Scalambrini Costa é  Professor na Universidade Federal de Pernambuco.



Comentários

deslogado
Lisa Reachard 16/04/2018, às 01:55

As an expert, I knew the crucial consequences concerning paracetamol and I propose any affected person experiencing chief and any agonies recognized with pace in conformity with bear certain capsule on it. I had refreshed the equal at phd dissertation service which those instantly observed or began alluding others too.

deslogado
Cristina aarora 21/07/2017, às 03:09

As a specialist I knew the eventual outcomes of paracetamol and I recommend any patient experiencing head or any agonies identified with go to have one pill of it. I had refreshed the same at Essay Writing Service which they instantly acknowledged and began alluding others too.

deslogado
Jake William 24/05/2017, às 11:35

Hello my name is and I work for Essay Globe when I saw “There is an action of manipulation of public opinion, concatenated by the nuclear lobby with a focus on Pernambuco (Northeast), aimed at propagandizing and defending the need to install nuclear power plants in the region.” I compiled for thinking writers are still living on earth.

deslogado
rojVS8Kb36Q 27/01/2014, às 01:03

Las consignas que emneure1s son elementos econf3micos y herramientas poledticas que entraron nuevamente en la agenda Argentina de la mano del kirchnerismo. Llevamos una de9cada de estabilidad econf3mica, pode9s empezar a sacarle los ceros que quieras a la inflacif3n que hoy deberedamos sufrir si nadie se hubiera hecho cargo del desastre terminal que sufrimos hace 10 af1os...Sed, hoy el paeds vibra en torna al progreso, econf3mico, social y poledtico.... Entonces como preguntaste.. Que9 e9s lo importante hoy? Que9 e9s lo mas preocupante?... Quizas debieras hecharle una hojeada a lo que pasf3 en el Borda, lo que paso tambie9n cuando una horda de imbe9ciles enceguecidos de mentiras y odio casi lincha al pibe del Pro el 18A. \"Eso\" que importa, \"eso\" que preocupa, es la VIOLENCIA. La oposicion llega finalmente al punto de salir a buscar la violencia que rompa y resquebraje la estructura que sostiene todo eso que describedas como temas importantes.Hace horas nomas la VIOLENCIA INSTITUCIONALIZADA se hi

deslogado
kCtROZ4B 10/01/2014, às 03:22

Linus1.- la frase completa es\"2001 y kktesoi y Santillan fueron clausurados con Nestor, los 5 af1os florecientes y la no represion de las protestas sociales\"2.- \"Pero no han sido 10 af1os fe1ciles, la sociedad es psicopateada desde los medios con mensajes malintencionados\" digo que siempre va a ser asi desde que queremos vivir a) en el capitalismo -no veo que los kirchner quieran llevarnos aCuba- y b) en democracia y con los medios de comunicacif3n emitiendo las opiniones que se les cantan que en el capitalismo -vuelvo a la eleccif3n de los K- quiere decir la voz de los que concentraron mucha papota como -solo a modo de ejemplo- un matrimonio de abogados de la Patagonia.RubenSip mire1 vos lo de armador de tribuna, algo que se ve es mas peligroso que manejar los trenes hacia el oeste del conurbanoPolitico aficionadoDe acuerdo, poco se ha hecho para detener el proceso de concentracif3n. Bastante Poco. De estatizar solo 4 cositas sueltas y porque el capitalismo s

deslogado
BvV2Ccld8VYS 09/01/2014, às 00:23

Clarin es la mayor herramienta de mlapiunacion de opinion publica que tienen los garcas mas garcas de este pais. Lanata es su mercenario contratado para generar opinion publica contraria al gobierno.Esos garcas mas garcas del pais estan detras de todos los golpes e intentos de golpe economico que se han dado estos af1os. Cada corrida contra el dolar, cada presion devaluadora, cada boicot a la venta de granos o al pago de impuestos, cada venta en negro para no pagar impuestos, cada remarcacion de precios no justificada por aumentos de los costos, en fin, cada maniobra que hacen para GENERAR INFLACION, FALTA DE DOLARES Y DESESTABILIZACION ECONOMICA, es un atentado terrorista a la economia del pais, que pueden hacerlo impunemente debido a que tiene el control de la mayoria de la informacion publica y se encargan de que la gente NUNCA SE ENTERE de quienes son los responsables de ese accionar. Mas afan, se encargan de hacerle creer a la gente que la culpa no es de forro que vende dolares en negro que consigui por


  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
Logomarca oficial da imigração alemã no Brasil. Reprodução liberada e recomendada, para uso não comercial.
Para uso comercial e originais em alta resolução: contato@brasilalemanha.com.br.

© 2004-2021 BrasilAlemanha - O portal oficial da imigração alemã no Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Sapiência Tecnologia

Publicidade