Os conceitos de modernidade e modernização na Alemanha e no Brasil serão debatidos na Fundação Joaquim Nabuco, no Derby, área central do Recife, com o ciclo de palestras Modernizações Ambivalentes, que começa nesta terça (15) e segue até 13 de maio, sempre às terças. O evento gratuito é organizado pelo Centro Cultural Brasil Alemanha, que traz o sociólogo alemão Hartmut Rosa para a abertura.

O ciclo pretende discutir os diferentes processo de modernização e seus significados em cada país. Os temas abordados em cada dia envolvem questões do desenvolvimento urbano na cidade, processos de modernização no cinema e na literatura e democratização versus fragmentação da arte. Também serão discutidas as dimensões políticas e culturais de desenvolvimento e conceitos de modernização, sua história e suas implicações.

Nesta terça, junto com Hartmut Rosa, os professores Cynthia Hamlin (UFPE) e Filipe Campello (UFPE) participam do debate. Cristiana Tejo e Moacir dos Anjos também enriquecem a discussão nos outros dias de palestra sobre arte e cultura. Detalhes dos palestrantes e convidados estão disponíveis no site Modernizações Ambivalentes .

Confira a programação completa do evento:

» Terça-feira (15), às 19h
Modernização ou Modernizações? Conceitos, história e implicações
Palestrante: Prof. Dr. Hartmut Rosa (Jena, Alemanha)
Debatedores: Cynthia Hamlin (UFPE) e Filipe Campello (UFPE)

» 22/04, às 19h
Cidades brasileiras: Modernas demais para um desenvolvimento sustentável?
Palestrante: Dr. Martin Gegner (USP/ DAAD)
Debatedores: Erico Andrade (UFPE) e Luiz Amorim (UFPE)

» 29/04, às 19h
Conquistas ambíguas da modernidade. Sobre a concorrência entre literatura e cinema (no início do século XX)
Palestrante: Prof.ª Dr.ª Kathrin Rosenfield (UFRGS)
Debatedores: Ângela Freire Prysthon (UFPE) e Marcelo Pedroso

» 06/05, às19h
'Desenvolvimento' - resultado ou mito da modernização?
Palestrante: Prof. Dr. Elísio Macamo (Basiléia, Suíça)
Debatedores: Barbara Kreuzig e Eliane Veras Soares (UFPE)

» 13/05, às19h
'Desartificação da arte': exploração pela indústria cultural ou estratégia de sobrevivência?
Palestrante: Prof. Dr. Rodrigo Duarte (UFMG)
Debatedores: Moacir dos Anjos (Fundaj) e Cristiana Tejo

Serviço
Ciclo de Palestras Modernizações Ambivalentes
De 15 de abril a 13 de maio, sempre às terças, às 19h
Fundação Joaquim Nabuco, Rua Henrique Dias, nº 609, Derby, Sala Aloisio Magalhães
Informações: (81) 3421-2173 (Centro Cultural Brasil Alemanha)