Colunistas

26/07/2015

Festival Internacional de Folclore poderá ser reconhecido pela UNESCO

Miguel Angel Saravia, integrante do CID, anunciou que fará a indicação

O diretor geral do Ballet de Arte Folclórico Argentino (BAFA), Miguel Angel Saravia, trouxe excelentes novidades ao 43º Festival Internacional de Folclore. Em 2015, o BAFA foi reconhecido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) e Miguel Angel Saravia foi convidado a integrar o Conselho Internacional de Dança (CID). Como membro do CID, o coordenador do BAFA anunciou que indicará o Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis à UNESCO.

“Há cinco anos consecutivos, o BAFA participa do Festival Internacional de Folclore. É um evento fantástico, um encontro de culturas sem igual, um festival ao acesso de todos, gratuito. Vou indicar o Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis como representante do Brasil na UNESCO”, anunciou Miguel Angel Saravia.

O coordenador geral do Ballet de Arte Folclórico Argentino falou da honra, satisfação, reconhecimento e prestígio mundial que é integrar a UNESCO. Além disso, todos os espetáculos do BAFA são divulgados na agenda da organização mundial.

Segundo a secretária adjunta de Educação, Cultura e Desporto, Yedda Leão Michaelsen, a comissão organizadora do evento não esconde a alegria pelo anúncio do diretor geral do BAFA. “Esta indicação é o reconhecimento de todo trabalho que fundamenta a realização do evento. Temos certeza de que tal reconhecimento da UNESCO poderá abrir muitas portas”, concluiu a secretária adjunta.

O diretor do Departamento Municipal de Cultura, Paulo Roberto Staudt, declara ser um privilégio para o Festival Internacional de Folclore receber o Ballet de Arte Folclórico Argentino há cinco anos consecutivos. “Externamos nossos mais sinceros parabéns ao BAFA pelo reconhecimento na UNESCO”, disse Staudt.

O espetáculo que deu reconhecimento ao BAFA na UNESCO foi “Don José Francisco de San Martín” - uma das personalidades mais importantes da República da Argentina, executada pela primeira vez em 1978 e relançada em 08 de julho de 2015. Mais de 40 artistas no palco, figurinos originais e réplicas de um museu Argentino são algumas das características desta obra. Esta remontagem também celebra os 50 Anos do Ballet de Arte Folclórico Argentino.

A apresentação do espetáculo "Don José Francisco de San Martín" brindou o público do 43º Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis neste sábado à noite, 25 de julho, no palco da Rua Coberta de Nova Petrópolis. O grupo volta a se apresentar neste domingo, dia 26 de julho, às 14h50min e às 19h30min.

O 43º Festival Internacional de Folclore prossegue, diariamente, até o dia 02 de agosto. O evento é uma promoção da Prefeitura Municipal de Nova Petrópolis e Associação dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs. Conta com o apoio da IOV – Organização Internacional de Folclore e Arte Popular; financiamento da Lei Rouanet - Ministério da Cultura e do Pró-Cultura LIC/RS. São patrocinadores: Dakota, Piá, Corsan, Sugarshoes e Sicredi. São apoiadores do evento: LPR, Banco do Brasil, Associação Rota Romântica, Mecânica Federal Diesel, Fundo de Turismo, ACINP, Móveis Niruma, Parque Pedras do Silêncio, Eletrosom e Matadouro da Serra. Para mais informações e fotos acesse: www.festivaldefolclore.com.br e www.facebook.com.br/festivaldefolclore.

  

CRÉDITOS DAS FOTOS: Mauro Stoffel

LEGENDA: Imagens do espetáculo "Don José Francisco de San Martín", que concedeu reconhecimento da UNESCO ao BAFA

 



Comentários

Participe! Aqui sua opinião vale muito.


  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
Logomarca oficial da imigração alemã no Brasil. Reprodução liberada e recomendada, para uso não comercial.
Para uso comercial e originais em alta resolução: contato@brasilalemanha.com.br.

© 2004-2020 BrasilAlemanha - O portal oficial da imigração alemã no Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Sapiência Tecnologia