Colunistas

23/02/2019

Ativos criptográficos - por Ivar Hartmann*

O Jornal NH de Novo Hamburgo, dentro da linha de reportagem investigativa, fez reportagens sobre uma empresa local que está vendendo pelo Rio Grande do Sul e talvez pelo Brasil, uma mercadoria chamada de ativos criptográficos. Ativos, em contabilidade, são os valores indicativos de bens e direitos de um indivíduo ou empresa.

Criptográficos (escritos em cifras ou códigos) são os ativos digitais com base em estruturas criptografadas. A moeda bitcoin, por exemplo. Uma cláusula define o que é contratado: serviços de custódia e gerenciamento de compra e venda de ativos criptográficos diversos, em plataforma de operação, garantindo um ganho de capital de 15% no prazo de um mês. O contrato, na teoria, garante ambas as partes: o aplicador e o recebedor. Segundo um analista é possível sim, uma aplicação financeira de risco ter ganhos de 15% ao mês.

O jornal chamou a atenção de que estava havendo uma corrida para estas aplicações, com centenas de contratos que passam de cem milhões de reais.  Entrevistou dois tabeliães e um Procurador da República. Os tabeliães, porque o contrato exige o reconhecimento das firmas dos contratantes. Os tabeliães apenas analisam se os contratos estão de acordo com as leis vigentes no país e as firmas são autenticas.

Se uma das partes está de má fé, o Ministério Público ou a Polícia investigam. Comprovou o jornal que são centenas os aplicadores que buscam os cartórios para reconhecer suas firmas, assim como, ao entrevistar o Procurador, este informou que abriu um procedimento para apurar se é um negócio honesto ou uma pirâmide financeira que promete lucros fabulosos: Os primeiros entram, ganham e fazem propaganda do produto. Os últimos a entrar perdem seu dinheiro. Então: os prestadores do serviço são idôneos? Os juros que oferecem e suas próprias aplicações existem?  Questões levantadas e de interesse de milhares de pessoas. O Procurador está analisando o negócio. Melhor esperar o resultado.

ivar4hartmann@gmail.com 


*Ivar Hartmann é promotor público aposentado, colunista do diário Jornal NH, Grupo Sinos, Novo Hamburgo, RS, e colaborador do portal BrasilAlemanha e do informativo BrasilAlemanha Neues.



Comentários

Participe! Aqui sua opinião vale muito.


  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
Logomarca oficial da imigração alemã no Brasil. Reprodução liberada e recomendada, para uso não comercial.
Para uso comercial e originais em alta resolução: contato@brasilalemanha.com.br.

© 2004-2021 BrasilAlemanha - O portal oficial da imigração alemã no Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Sapiência Tecnologia

Publicidade