Colunistas

25/06/2019

58º Festival Folclórico de Etnias do Paraná dia 09 de julho às 20h30min no Teatro Guaíra em Curitiba, PR

Este ano nossa apresentação no Festival abordará os 195 anos da imigração alemã no Brasil e os 55 anos de fundação do Grupo Folclórico Germânico Alte Heimat.

 

Em 2019, o Brasil celebra os 195 anos de história de Imigração e Colonização Alemã. A apresentação deste ano traz ao público um pouco mais das tradições desse povo, numa época que deixaram o seu País em busca de uma vida melhor, muitas vezes sem conhecer para onde estavam sendo levados e deixando a grande família para trás. Nós somos hoje o que foi trazido e ensinado naquela época, e com alegria relembramos o passado hoje saudosamente por nossos antepassados.

A celebração, além de ser a este povo que desembarcou nestas terras, é aos folcloristas, amigos e familiares que nestes últimos 55 anos foram persistentes, motivadores e alegres em fundar e persistir na consistência e continuidade do Alte Heimat. Nosso agradecimento em dança e alegria a todos que são história.

Tradition heißt nicht, Asche verwahren, sondern eine Flamme am Brennen halten.

Tradução livre: Tradição não significa cultuar cinzas, e sim manter sua chama acesa.


Seguem algumas informações sobre o nosso grupo: 

Histórico: Com o intuito de buscar a perpetuação da cultura germânica, da consciência étnica e manter os costumes, músicas, trajes e danças da Alemanha, Áustria e Suíça, foi fundado no dia 10 de abril de 1964, por Helmut Abeck, Isa Marchmann e Ingborg Ulrich o Grupo Folclórico Germânico. No início o grupo ensaiava na Instituição que hoje é o Instituto Goethe, e em 1966 filiou-se ao Clube Rio Branco. Por períodos o grupo também contou com o apoio do Círculo Cultural de Cantores Brasileiros-Germânicos Harmonia.

Em 1991, firmou parceria com o Colégio Martinus onde o grupo infantil passou a ensaiar, e no mesmo ano passou a se chamar Grupo Folclórico Germânico “Alte Heimat”, que significa “Antiga Pátria”. Em 1992 iniciaram-se os ensaios do grupo master, na maioria pais e avós dos componentes do grupo adulto e infantil. Em 2010, o grupo se filiou ao 3 Marias Clube de Campo, onde mantém os ensaios das categorias adulto e master.

Os dançarinos essencialmente amadores buscam manter, através da paixão pela dança e aos antepassados, a tradição de todo um povo. Nestes 55 anos, o grupo realizou apresentações pelo Brasil e países vizinhos. Participou da inauguração do Teatro Guaíra e, desde então, participa todos os anos do Festival Folclórico e de Etnias do Paraná.

Número de componentes: 70 

Categorias: infantil, juvenil, adulto e master.

Trajes/regiões: temos trajes de diversas regiões da Alemanha, dois da Áustria e um da Suíça, aqui relacionados:

Categoria adulto - trajes das seguintes regiões da Alemanha:  Württemberg, Holstein am Probstei, Vierland, Pyritz e Miesbacher Tracht; Traje Suíço da região do Appenzeller e Traje Austríaco da região de Ötztaler.

Categoria Infantil-juvenil – Kinder Schwarzwald e Tiroler Kinderdirndl.

Categoria master – Traje Böhmerwald e Dirndl.

Sede: 3 Marias Clube de Campo (categoria adulto e master) e Colégio Martinus (categorias infantil e juvenil).

Contatos:

Facebook: https://www.facebook.com/gfgah/

Instagram: @gfgalteheimat

Site: http://www.alteheimat.com.br/



Comentários

Participe! Aqui sua opinião vale muito.


  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
Logomarca oficial da imigração alemã no Brasil. Reprodução liberada e recomendada, para uso não comercial.
Para uso comercial e originais em alta resolução: contato@brasilalemanha.com.br.

© 2004-2019 BrasilAlemanha - O portal oficial da imigração alemã no Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Sapiência Tecnologia