Colunistas

17/11/2014

matéria de: Ivan Seibel

Seibel AHAI 1058 Proibido não falar português

Ouça o áudio

  O movimento de conscientização do nacionalismo brasileiro de 1935 certamente teria trazido bons frutos se concomitantemente ao fechamento das escolas de comunidade tivessem sido criadas escolas públicas para dar continuidade ao processo de alfabetização de toda a população jovem. Com a deflagração da guerra, qualquer coisa com alguma semelhança com a cultura alemã ou italiana tornara-se proibitivo. Esta proibição também atingiu os diferentes grupos de pomeranos no Brasil. As paróquias ficaram sem seus pastores. As comunidades luteranas de todo o Brasil haviam se transformado em rebanhos sem seus mentores espirituais. Toda e qualquer modalidade de ensino formal foi proibido e a própria instrução religiosa tornara-se cada vez mais difícil. O ensino confirmatório tinha sido proibido. Se os pais fossem denunciados, certamente poderiam ser detidos. Delegados e soldados simplesmente invadiam as casas, destruindo toda e qualquer coisa que lhes parecia suspeito. Alimentos e objetos pessoas muitas vezes eram apreendidos. Os maus tratos passaram a ser corriqueiros. Foi um época de muita dificuldade e de injustiça.

           Seria isto por hoje. 

           Seu Ivan Seibel

  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
Logomarca oficial da imigração alemã no Brasil. Reprodução liberada e recomendada, para uso não comercial.
Para uso comercial e originais em alta resolução: contato@brasilalemanha.com.br.

© 2004-2019 BrasilAlemanha - O portal oficial da imigração alemã no Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Sapiência Tecnologia