Colunistas

01/11/2014

matéria de: Ivan Seibel

AHAI 1055

Os Wanderbauern

Ouça o áudio >>>>

 

              A migração sempre fez parte da vida dos pomeranos. A canção “Meikäfer flieg ... Pommerland ist wieder abgebrand...”  já sinaliza com uma cultura secular do refugiado. Também no Brasil temos muitos exemplos de idas e vindas dos assentados. E esta passou a ser uma das fortes características deste povo e que se perpetuou pelas gerações a fora. Com o passar dos anos esta característica do migrante passou a ser cada vez mais nítida. A expressão “Wanderbauer” isto é, agricultor migrante certamente teve sua origem na necessidade de obtenção de um novo espaço para os jovens destas famílias quase sempre prolíficas. Era preciso migrar para obter o seu “próprio espaço”. Vendiam suas “colônias de terra já esgotadas” para poderem comprar “novas colônias” em áreas que pudessem ser desbravadas. Facilmente se podia verificar a clara tendência à migração, quando os lotes dos assentamentos originais já começavam a mostrar sinais de diminuição de sua população. Isto foi marcante no século XX em algumas cidades de Espirito Santo, mas também pode ser identificado nos três estado do sul. Milhares de famílias se deslocaram para Mato Grosso do Sul e sobretudo para Rondônia. 

           Seria isto por hoje. 

           Seu Ivan Seibel

  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
Logomarca oficial da imigração alemã no Brasil. Reprodução liberada e recomendada, para uso não comercial.
Para uso comercial e originais em alta resolução: contato@brasilalemanha.com.br.

© 2004-2019 BrasilAlemanha - O portal oficial da imigração alemã no Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Sapiência Tecnologia

Publicidade