Colunistas

04/09/2014

matéria de: Ivan Seibel

AHAI 1048

Do adolescente ocioso ao adulto improdutivo.

De um lado os imigrantes, independente da sua procedência precisavam vencer as tarefas diárias para poderem suprir o necessário sustento da família. Mas também era preciso aprender o oficio do trabalho na agricultura. Não havia com quem deixar filhos de dez, doze ou quinze anos vivendo na ociosidade, até porque muitos destes já terminavam constituindo novas famílias na idade de dezesseis ou dezoito anos. Nos dias atuais tantas críticas se faz às situações em que homens ou mulheres de dezesseis ou dezessete anos, não raras vezes já com a sua própria prole, são surpreendidos em um trabalho agrícola, gerando processos contra seus progenitores idosos e por vezes até inválidos. Na região da colonização pomerana capixaba, até mesmo na metade do século XX, os jovens aprendiam a trabalhar com seus pais. Desta forma, ao frequentarem no turno da manhã, as escolas da comunidade (Gemeideschaul) ou um grupo escolar, durante a tarde acompanhavam os pais no trabalho. Tudo era um aprendizado. Assim, aos oito ou nove anos de idade aprendia-se as tarefas mais leves e à medida que as crianças cresciam, entravam na adolescência e passavam a atuar de igual para igual com os adultos. Desta forma, ao atingirem os 13 ou 14 anos, no caso dos meninos e 12 anos no caso das meninas, costumavam ser confirmados. Este momento constituía-se, por assim dizer, em um rito de passagem entre a infância e a do adulto ainda jovem: Passava-se a trabalhar em tempo integral na labuta da propriedade, podia-se dançar nos encontros sócias e já se era encarado como um “quase” adulto.  Seria isto por hoje.  Seu Ivan Seibel

  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
  • brasilalemanha
Logomarca oficial da imigração alemã no Brasil. Reprodução liberada e recomendada, para uso não comercial.
Para uso comercial e originais em alta resolução: contato@brasilalemanha.com.br.

© 2004-2019 BrasilAlemanha - O portal oficial da imigração alemã no Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Sapiência Tecnologia

Publicidade